Advocacia-Geral da União anuncia a realização de acordo sobre ações envolvendo os expurgos inflacionários

11/29/2017

 

Uma das matérias mais presentes no judiciário brasileiro é aquela envolvendo as perdas dos consumidores em virtude da alta inflação e implementação de planos econômicos ocorrida nas décadas de 80 e 90.

 

As ações envolvem os poupadores que possuíam depósitos em poupança ou FGTS, sendo que o prejuízo estimado pelos bancos está no patamar de R$ 50 bilhões. Além da ameaça de condenações que possam desestabilizar a economia, o número de servidores e tempo gastos nesta demandas são fatores de grande preocupação para o Governo Brasileiro.

 

Após anos de negociação, a Advocacia-Geral da União anunciou que está finalizando acordo entre as entidades representantes dos consumidores e as instituições bancárias. Os termos preveem pagamentos num patamar total de R$ 10 bilhões.

 

A proposta, entretanto, não foi ainda aceita pelas partes. Segue também dúvidas sobre as cobranças movidas em ações individuais e aquelas ações que sequer foram ajuizadas até a presente data.

Fonte: Conjur

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Artigos

Como valorizar o seu imóvel e poupar tempo e dinheiro com o Usucapião Extrajudicial?

28/08/2017

1/8
Please reload

Categorias
Marcadores